Como melhorar o desempenho em torneios de inovação (hackathon)? Dê feedbacks negativos!

Por Leticia Pimentel

As empresas usam torneios de inovação a fim de coletar boas ideias de  muitas pessoas. Exemplos de novos produtos gerados dessa forma incluem uma linha de laptops Dell para uso marítimo e conjuntos temáticos da Lego. O sucesso dos torneios de inovação costumam ser medidos pelo número de participantes e de ideias geradas. Porém, a melhor métrica é a intensidade de participação dos integrantes do torneio, uma vez que é esse indicador que impacta na qualidade da ideia. Ou seja, quanto mais o participante trabalha e atualiza a ideia, mais qualidade ela terá. Dessa forma, um grupo de pesquisadores mostrou que oferecer feedback negativo – focado nas fraquezas, necessidade de refinamento ou o esforço adicional necessário para fortalecer a ideia – leva a uma maior intensidade de participação. Contudo, ele deve ser fornecido logo no início, momento em que os participantes se concentram em como a ideia ainda precisa se desenvolver para atingir o resultado esperado. Com essa descoberta, os organizadores desse tipo evento podem preparar os mediadores para fornecer feedback negativo no início do processo e, assim, aumentar a intensidade da participação.
Fonte: Camacho, N., Nam, H., Kannan, P. (2019). Tournaments to Crowdsource Innovation: The Role of Moderator Feedback and
Participation Intensity. Journal of Interactive Marketing, 83, 138-157.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *